Usamos cookies para lhe fornecer a melhor experiência possível no nosso website, Ao continuar a navegar neste site, você autoriza o uso de cookies. Para mais detalhes, incluindo sobre como mudar as suas preferências, por favor leia a nossa Política Privacidade.
Mais info Aceitar

Análise Fundamental de Forex - Guia Completo

Tempo de leitura: 24 minutos

A análise fundamental dos mercados financeiros é uma das ferramentas mais utilizadas pelos traders, sejam eles iniciantes ou profissionais, e principalmente por aqueles que operam a longo prazo. Graças à análise fundamental, podemos analisar o contexto em que os mercados se movem e chegar a conclusões muito valiosas na hora de tomar decisões nas nossas negociações.

Neste artigo, iremos falar sobre:

  • Definição - O que significa a análise fundamental?
  • Como fazer uma análise fundamental de Forex?
  • Vantagens da análise fundamental de Forex
  • Os fundamentos da análise fundamental de negociação
  • Aprender análise fundamental
  • Indicadores da análise fundamental
  • Teorias económicas sobre a análise fundamental
  • Modelos de análise fundamental

Vamos começar!

Análise Fundamental Forex

O Que é a Análise Fundamental?

A análise fundamental concentra-se no estado geral da economia e investiga vários fatores macroeconómicos, como as taxas de juros, dados sobre o emprego, PIB, relações geopolíticas, bem como o seu impacto relativo nos ativos financeiros relacionados. Por exemplo, a análise fundamental de Forex investiga que publicações ou eventos podem causar movimentos nos preços dos pares de moedas e aproveitar as oportunidades de trading.

A principal premissa da análise fundamental, tanto no mercado Forex quanto nos outros mercados financeiros, é que o preço de um ativo pode diferir do seu valor real e que, no final, ele tenderá a aproximar-se deste último

O objetivo final da realização de uma análise fundamental é descobrir o verdadeiro valor de um ativo, compará-lo com o preço atual e encontrar uma oportunidade de negociação.

Para entender melhor este conceito, vamos dar um exemplo simples utilizando uma empresa X de capital aberto. É uma empresa com números saudáveis nos seus registos: lucro positivo, rácio de dívida limitado, pertence a um setor favorável, no entanto, o seu valor no mercado de ações pode diferir e ser cotado abaixo de seu valor real, sendo considerada dessa forma " barata ".

Os defensores da análise fundamental argumentam que, no final, a empresa tenderá para o valor real. Neste caso, em relação às ações, o trader deverá levar em consideração, na sua análise, não apenas os eventos macroeconómicos, mas também as publicações periódicas da empresa em questão.

Como Fazer uma Análise Fundamental de Forex?

Existem muitas teorias económicas em torno da análise fundamental, mas, em regra geral, o método básico é o seguinte:

Passos a Seguir - Análise Fundamental

  • Ajustar o calendário económico aos nossos interesses. Por exemplo, no nosso idioma ou com os países cujas publicações queremos conhecer. Esta ferramenta é essencial para qualquer trader que queira fazer uma análise fundamental.
  • Depois de ajustar as variáveis mais básicas, devemos selecionar o período em que estamos interessados em obter informações, algo que dependerá do nosso perfil de trader:
    • Um trader que pratique scalping estará mais interessado nas notícias económicas dos próximos minutos e horas.
    • Um intradiário vai querer saber as notícias econômicas do dia.
    • Um trader de swing focará nas notícias semanais
  • Em seguida, devemos determinar quais são os eventos económicos que nos interessam para ver a sua data de publicação, os dados anteriores e os dados esperados.
  • Quando já tivermos estabelecido a lista, o calendário económico irá mostrarnos qual será o nível de impacto que cada evento ou publicação terá nos mercados.

Ele funciona da seguinte forma:

  • Impacto verde. Prevê-se movimentos fracos.
  • Impacto amarelo. Implica mudanças moderadas.
  • Impacto vermelho. O evento ou publicação irá gerar previsivelmente picos de volatilidade.

Calendário económico Admiral Markets

Fonte: admiralmarkets.com/pt. Captura de ecrã realizada a 4 de Março de 2020.


Atenção à frequência dos eventos!

Dentro da estrutura deste processo, devemos levar sempre em consideração a frequência com que os eventos esperados ocorrem, o que já por si é um indicador da análise fundamental.

Porque Ter Atenção à Frequência dos Eventos? - Análise Fundamental

Se perceber que irão ocorrer muitos eventos com impacto verde num espaço de poucas horas, não deve necessariamente tratar estes eventos como sendo de baixo impacto. Se esses eventos influenciarem a mesma moeda, mesmo que os resultados sejam verdes, todos juntos podem desencadear uma maior volatilidade do que um único evento de alto impacto (vermelho).

Outro ponto importante a ser considerado no calendário Forex é a diferença entre as publicações anteriores, os resultados previstos e o valor atual, pois estes dados poderão indicar uma possível mudança na tendência Forex. Muitos traders tentam posicionar-se nos mercados antes da publicação das principais notícias económicas, antes mesmo de os preços subirem ou descerem.

Análise Fundamental - As Notícias

Existem vários indicadores económicos que os especialistas financeiros observam durante a sua análise fundamental dos mercados financeiros, pois estes podem fornecer sugestões importantes sobre a saúde da economia.

Esses indicadores podem ser encontrados nas notícias publicadas pelos media económicos e pelos portais dos órgãos oficiais.

Vamos ver como é que esses indicadores podem influenciar os movimentos do mercado: se a previsão para uma determinada economia é que esta continue a crescer com força, então ela poderá ser um local atraente para se investir.

Seguindo o mesmo pensamento:

Quando os relatórios económicos são publicados, os traders e investidores que usam a análise fundamental para avaliar as ações na bolsa de valores ou qualquer outro mercado financeiro, irão procurar sinais de pontos fortes ou pontos fracos nas diferentes economias.

Se, antes dos comunicados à imprensa, o sentimento do mercado se inclinar para uma direção, o preço mudará antes do lançamento. Por outro lado, quando o mercado não tem certeza ou se os resultados dos dados variam dos valores que são esperados, pode ocorrer uma forte volatilidade no mercado.

É por isso que os traders iniciantes em Forex geralmente são aconselhados a ficarem afastados das notícias, quando praticam uma análise fundamental. Se deseja aceder a um curso de análise fundamental de Forex, clique na imagem abaixo:

Webinars Admiral Markets

Vantagens da Análise Fundamental de Forex

Quando se trata de aproveitar os movimentos dos pares de moeda em Forex, é importante estar ciente dos eventos fundamentais existentes, mesmo que você não se considere um trader técnico.

Às vezes, o seu software de análise técnica de Forex pode mostrar o melhor ponto de entrada para uma operação. No entanto, após a sua entrada na posição, as notícias económicas importantes podem ser lançadas e o seu Stop Loss pode aparecer .

Para que consiga evitar isso, é melhor ter em conta os resultados obtidos com a análise dos fundamentos e seguir o calendário económico para saber a que horas é que as notícias económicas mais importantes serão publicadas. A melhor opção é usar uma plataforma de negociação que incorpore indicadores de análise fundamental e de sentimento de mercado.

O Básico da Negociação com Análise Fundamental

Entre as ferramentas essenciais para uma análise fundamental, podemos mencionar os seguintes:

  • Calendário económico
  • Mini terminal para configurar ordens avançadas
  • Mini terminal para localizar o ponto de breakout e respeitar a gestão de riscos.

Na Admiral Markets, temos um plug-in exclusivo para a plataforma de negociação MetaTrader 5, chamado Supreme Edition, que permite usar o MiniTerminal e os Expert Advisors. Se você deseja fazer o download desta versão avançada, basta clicar no banner abaixo:

MetaTrader 5 Supreme Edition

Aprenda Análise Fundamental Sobre o Mercado Forex

A análise fundamental do mercado de câmbio ou de qualquer outro mercado financeiro, desempenha um papel muito importante todos os dias. Com cada notícia sobre os dados económicos, você poderá receber uma notificação para estar atento. Diferente do calendário económico, o seu objetivo não é mostrar os próximos eventos, mas sim informar sobre os resultados de um evento em particular.

Por isso, o software de análise fundamental de Forex é muito útil. Alguns investidores usam-no sobre a forma de widgets ou como uma extensão do navegador para outros sistemas operacionais. Atualmente, é possível configurar um software num índice ou CFD, com a finalidade de enviar notificações quando alguns dados ou estatísticas económicas são publicadas.

Isto pode ser útil para os traders que preferem negociar quando existem notícias, mas estes têm problemas em acompanhar os comunicados de imprensa diariamente.

É importante mencionar que a maioria dos traders prefere análises técnicas, como as obtidas com as velas, para antecipar movimentos do mercado. Por esse motivo, os programadores da plataforma não se concentraram no software para análises fundamentais de Forex ou qualquer outro tipo de mercados financeiros.

Indicadores da Análise Fundamental em Forex

Como já referimos, os dados económicos podem causar mudanças nos mercados. Os indicadores que mais frequentemente os influenciam podem ser resumidos da seguinte forma:

Taxas de juros - Análise Fundamental

As taxas de juros são um indicador importante da análise fundamental em Forex. Existem muitos tipos de taxas de juros, mas nesta secção iremos apenas concentrar-nos nas taxas de juros nominais ou básicas, estabelecidas pelos bancos centrais.

Os bancos centrais criam dinheiro, que depois emprestam a bancos privados. A percentagem que os bancos privados pagam aos bancos centrais pelas moedas emprestadas é chamada de taxa de juros básica ou nominal.

Sempre que você ouve a frase "taxas de juros", geralmente é referente a este conceito

As taxas de juros podem afetar a inflação, o investimento, o comércio, a produção e o desemprego. Desta forma, os bancos centrais aumentam ou diminuem as suas taxas de juro de acordo com as necessidades económicas.

Para um trader de Forex, as taxas de juros são o melhor indicador fundamental, pois um aumento nas mesmas, de forma geral, faz com que a moeda pondere o seu valor devido à falta de dinheiro em circulação.

Da mesma forma, quando as taxas de juros são reduzidas, os empréstimos aumentam e a moeda é desvalorizada.

⇑ Taxas de juros = ⇑ Moeda

⇓ Taxas de juros = ⇓ Moeda


Inflação - Análise Fundamental

A inflação é o aumento acentuado na quantidade de moeda em circulação, que por sua vez aumenta o preço dos bens e dos serviços. Tendo esta ideia em mente, pode-se afirmar que a inflação é um dos indicadores principais para uma análise fundamental de Forex, uma vez que demonstra a saúde de uma determinada economia.

O nível de inflação considerado saudável, é determinado em cada país de acordo com as necessidades da sua economia. As economias desenvolvidas procuram um nível de inflação de cerca de 2%, enquanto os países em desenvolvimento podem procurar níveis de até 7% sem causar o pânico entre os investidores.

Dependendo do nível atual de inflação estar acima ou abaixo da meta estabelecida pelo governo, pode-se dizer que um país tem hiperinflação (muito dinheiro em circulação) ou deflação (o que significa pouca moeda em circulação).

Análise fundamental

Fonte: Banco Central Europeu (BCE). Evolução da inflação na zona do euro na última década.

Em termos de Forex trading, quanto maior a taxa de inflação, maior a velocidade com que a moeda se deprecia e menor a confiança dos investidores, o que acaba por enfraquecer a economia.

Muita inflação inclina o equilíbrio entre a oferta e a procura recai a favor da oferta, e a moeda acaba por depreciar porque existe muito mais dinheiro do que é procurado. O lado oposto é a deflação. Durante a deflação, o valor do dinheiro aumenta, enquanto os bens e serviços acabam por tornar-se mais baratos.

Índice de Preços no Consumidor (IPC) - Análise Fundamental

O Índice de Preços no Consumidor mede o preço médio ponderado de uma seleção de bens e serviços familiares (transporte, alimentação, assistência médica etc.), sendo 100 o valor base. Por exemplo, se atualmente um grupo de bens e serviços custar X, o CPI será 100. Se numa década o seu valor aumentar em 25%, o índice passará de 100 para 125.

Este é um indicador importante no mercado Forex, porque este mede as mudanças no poder de compra do consumidor devido à inflação. Aumentos consideráveis no IPC em curtos períodos de tempo indicam uma possível inflação, enquanto as quedas do indicador IPC, são um sinal de deflação. Devemos ter isto em conta quando fazemos análises fundamentais no mercado do Forex.

Produto Interno Bruto (PIB) - Análise Fundamental

O Produto Interno Bruto (PIB) é um indicador que mede a produção de riqueza de um país ao longo de um ano. Acredita-se que o PIB seja o melhor indicador económico geral, da saúde de uma economia.

Taxa Variação do PIB em Portugal

Fonte: PORDATA. Taxa de variação do PIB de Portugal na última década.

Taxas de juros, inflação e PIB são os três indicadores económicos mais importantes usados na realização de uma análise fundamental de Forex.

Outros Indicadores de Análise Fundamental

  • Relatórios de Emprego

A percentagem da população desempregada afeta diretamente os padrões de consumo e, por conseguinte, a economia em geral. Um aumento no desemprego tem um efeito negativo, pois há menos pessoas a receber um salário regular. O desemprego não pode ficar abaixo de um nível conhecido como voluntário, que é diferente para cada país e pode variar entre 2% a 6%.

Nos relatórios de emprego, um dos indicadores mais importantes para o mercado é o NFP dos EUA (folha de pagamento não agrícola).

  • Institute of Supply Management (ISM)

O relatório do ISM aborda as medições do fluxo de novos pedidos, no qual prevê a atividade produtiva na economia. Este relatório é expresso através de um índice de 50. Valores abaixo de 50 significam que há uma diminuição nos pedidos de produção em relação ao período anterior. Como a oferta depende da procura, um aumento no ISM indica que a procura por bens e serviços aumentou, o que é um bom sinal para a economia.

  • Relatório de Vendas a Retalho

Os relatórios de vendas a retalho monitorizam os padrões de gastos do consumidor, excluindo itens como saúde e educação. A confiança das pessoas na economia reflete-se diretamente nos padrões de consumo.

  • Índice de Preços das Matérias-primas

O índice de preços das matérias-primas monitoriza as variações médias nos preços de itens como o petróleo, minerais e metais. Este é um indicador particularmente importante para a "commodities em dólares" (moedas de exportadores de matérias-primas, como o Canadá e a Austrália). Um aumento neste índice indica um aumento nos preços e, por sua vez, maiores ganhos nas exportações.

Lembre-se de que uma diminuição neste indicador beneficia países que importam essas matérias-primas.

Comece a negociar

  • Fluxo e Balança Comercial

A balança comercial apresenta a diferença entre o total das importações e das exportações. Se as exportações forem maiores, a balança comercial é positiva. Um saldo comercial positivo faz com que a moeda seja valorizada, pois as empresas no exterior precisam gastar mais da sua moeda local para fazer as transações.

O fluxo comercial é muito semelhante à balança comercial, contando apenas a chegada do investimento total vindo do estrangeiro contra a saída de recursos de investimento. De uma forma simples, é o dinheiro das importações contra o dinheiro das exportações. Quanto mais investidores estiverem interessados em realizar negócios num país, mais transações internacionais irão ocorrer, o que gera um saldo comercial e um fluxo comercial positivos.

Um fluxo comercial positivo significa que existe mais dinheiro a entrar do que a sair, o que é um sinal de uma economia saudável e um aumento na procura pela moeda.

  • Rendimento de Títulos

Os preços, os rendimentos e os spreads de títulos podem ser adicionados à lista de indicadores de análise fundamental de Forex. A forma que estes funcionam é a seguinte. Um título é uma obrigação de dívida. Um título do governo é uma obrigação da dívida desse mesmo governo. Quando as pessoas, empresas ou bancos compram títulos do governo, na verdade não estão a adquirir nada. O que acontece é que quem compra estes títulos empresta dinheiro ao governo e, em troca, recebem um título com marca d'água que indica que o Estado lhes deve dinheiro.

Quanto mais títulos do governo forem negociados, maior será o custo e, devido à relação inversa, eles irão produzir menos rendimentos. O outro tipo de dívida que um governo oferece e que os investidores podem usar para proteger o seu capital é a moeda. Por exemplo, ao analisar um leilão de títulos do tesouro de 10 anos, um aumento nos preços pode sinalizar um fortalecimento da moeda.

O spread dos títulos é a diferença entre o rendimento dos títulos de dois países diferentes, é o famoso "prémio de risco".

Em resumo, com o PIB, assim como com as taxas de inflação e os outros indicadores fundamentais, o que realmente importa é a variação do valor real em relação à sua previsão.

Um desvio do valor previsto pode indicar uma falta de conhecimento nos círculos analíticos e criar uma oportunidade de negociação para os analistas fundamentais que trabalham por conta própria.

Teorias Económicas da Análise Fundamental

Estas teorias giram em torno do conceito de paridade que, aplicado aos indicadores da análise fundamental em Forex, representa a igualdade de leitura de um indicador económico em dois países diferentes. Em caso de disparidade, a taxa de câmbio ajusta-se gradualmente para compensar essa mesma diferença. Este ajuste pode servir também como um indicador para análise técnica de negociação em Forex.

Paridade do Poder de Compra - Análise Fundamental

A Paridade do poder de compra é um dos melhores indicadores fundamentais de Forex. É usado como sendo um componente da teoria económica e também uma técnica para determinar o valor "verdadeiro" da moeda. A lei implícita neste indicador é a lei do preço único.

Num cenário sem quaisquer custos de transação ou barreiras comerciais oficiais, produtos com características semelhantes têm o mesmo preço em qualquer lugar do mundo. Este indicador permite que os traders analisem a taxa de câmbio mais apropriada para comprar o produto.

Outros usos do indicador:

  • Ele oferece uma leitura da taxa de inflação "real" e é equivalente à percentagem de depreciação ou valorização da moeda.
  • Permite comparar a economia de dois países, movendo a taxa esperada de acordo com a taxa de câmbio.
  • Calibra os dados económicos, como o PIB, para suavizar as diferenças na taxa de câmbio e obter uma visão mais realista da situação económica.

Paridade da Taxa de Juros (IRP) - Análise Fundamental

O conceito de paridade de taxa de juros é semelhante à Paridade do Poder de Compra analisado anteriormente, mas, neste caso, o que é implícito é a compra de ativos financeiros. Em teoria, uma vez que a taxa de câmbio tenha sido ajustada, os ativos financeiros devem render de igual forma, independentemente do país. Caso contrário, a taxa de câmbio deve ser ajustada, sendo o diferencial obtido um dos melhores indicadores de Forex para o trader que negoceia a longo prazo.

O IRP assume:

  1. Mobilidade total de capital e fácil troca de ativos nacionais ou estrangeiros por investidores.
  2. Os ativos podem ser substituídos por risco e liquidez.

Dados os pontos 1 e 2, os investidores manterão os ativos que geram um retorno maior. A teoria indica que a rentabilidade obtida com o investimento num dólar deve ser a mesma que a lucratividade obtida com o investimento num euro; se os retornos não forem os mesmos, é evidente que há uma disparidade na taxa de câmbio.

Efeito Internacional Fisher (IFE) - Análise Fundamental

O Efeito Internacional Fisher é uma teoria económica que afirma que uma mudança na taxa de câmbio entre países aproxima-se da diferença entre as taxas de câmbio nominais naquele momento.

O indicador IFE considera que, se uma taxa de juros mais alta implicar uma taxa de inflação mais alta, a moeda do país com a menor taxa de juros será valorizada em relação à moeda do país com a maior taxa de juros. Embora a ideia seja baseada na lógica, esta não considera o impacto de outros fatores na taxa de câmbio.

Teoria da Balança de Pagamentos (BOP) - Análise Fundamental

A balança de pagamentos, também conhecida como balança de pagamentos internacionais, é um registo de todos os pagamentos e transações monetárias entre países num determinado período de tempo. Este registo inclui a troca de bens, serviços, presentes, reivindicações e obrigações financeiras com o resto do mundo.

O BOP consiste em três contas:

  • Primeiro, a conta corrente que equivale à soma da balança comercial (exportações menos importações), receita dos fatores (ganhos com dos investimentos estrangeiros menos o pagamento a investidores estrangeiros) e transferências de renda.
  • Segundo, a conta de capital que regista a mudança líquida na propriedade de ativos estrangeiros.
  • Terceiro, o saldo contável que alerta para qualquer erro estatístico e garante que as contas correntes e as contas de capital sejam iguais a zero.

O BOP conta com um crédito elevado como indicador fundamental no Forex, permitindo que os economistas quantifiquem certas políticas económicas destinadas a objetivos económicos muito específicos. Por exemplo, um país pode manter a sua taxa de câmbio baixa para estimular as exportações ou, pelo contrário, adotar políticas que atraiam maior investimento vindo do estrangeiro.

Por fim, déficit e o superávit da conta comercial podem ser uma indicação da direção da taxa de câmbio. Um país que opera com déficit depreciará a sua moeda para compensar o desequilíbrio. Da mesma forma, um país que opera com um superávit apreciará a sua moeda para compensar.

Análise Fundamental - Modelo do Mercado de Ativos

O modelo do mercado de ativos concentra-se no elemento de fluxo de dinheiro da BOP. Este modelo defende que a moeda depende do fluxo de capital do país tendo como objetivo a compra de ações e/ou títulos.

O modelo de mercado de ativos ganhou a sua posição, como um indicador fundamental independente de Forex, devido ao recente crescimento dos ativos financeiros. O movimento da moeda na forma de ativos financeiros é maior do que na forma de bens e serviços , o que torna a conta de capital da BOP muito maior do que a conta corrente.

Se um país vê um aumento do seu fluxo de capital de investimento, também deverá observar um aumento na procura pela sua moeda, o que, por sua vez, deve levar à sua apreciação.

À medida que ocorrem mudanças nas condições económicas relevantes para quem detém ativos, grandes quantidades de capital são redistribuídas na forma de vários ativos financeiros, o que afetará a taxa de câmbio do país de origem e destino.

Análise Fundamental - Modelo de Taxas de Juro Diferencial

A taxa de juros real é igual à taxa de juros nominal menos a inflação esperada. O modelo diferencial da taxa de juros real sugere que os investidores, atraídos por retornos mais altos dos seus investimentos, em consequência movimentem ativos, desde que os riscos de investimento estejam num nível aceitável.

Da perspectiva deste indicador fundamental da negociação de Forex, uma taxa de juros real obtida por meio de uma alta taxa de câmbio nominal ou baixa inflação é um sinal de boas-vindas ao investimento estrangeiro e requer um aumento na procura da moeda local.

Análise Fundamental - O Modelo Monetário

O modelo monetário defende que o valor da moeda depende da oferta dessa mesma moeda, níveis de renda, taxas de juros e taxas de inflação. Este modelo é um híbrido entre a teoria da quantidade monetária (um aumento na oferta de moeda leva a um aumento proporcional no nível de preços) e da paridade do poder de compra (um aumento no nível de preços leva a um aumento das taxas de juros), ambas seguem a regra da proporcionalidade.

A moeda é apreciada quando a política monetária é estável. Isso significa que a oferta de moeda, as taxas de juros e a inflação estão dentro de certos limites e o nível de renda está a aumentar. A moeda deprecia com uma política monetária instável e legisladores inconsistentes.

Existem duas variações do modelo monetário:

  • Flexível. O modelo flexível indica que a Paridade do Poder de Compra é contínua e momentânea; assim que a oferta de moeda, renda, inflação ou taxa de juros mudar, os preços dos bens e dos serviços também se irão alterar.

    Dito isto, os dados empíricos sugerem que, embora a oferta de moeda, a renda, a inflação ou as taxas de juros possam mudar rapidamente, as empresas mantêm os seus ciclos de negócios. O tempo que as empresas precisam para ajustar os seus preços cria um atraso no mercado.
  • Aderente. É aqui que o modelo aderente entra em cena. Esse modelo estabelece que os preços de bens e serviços são aderentes no curto prazo e se irão ajustar de forma gradual às mudanças fundamentais.

A principal crítica ao modelo monetário vem da ignorância deste mesmo modelo sobre a entrada e a saída do capital para fins de investimento, como indicado pelo efeito Fisher. Como sabemos, o valor do investimento geralmente excede as mudanças no preço de bens e serviços, causadas pelo impacto na moeda. No entanto, a teoria monetária é um importante indicador fundamental na negociação em Forex e que pode ser usado para avaliar a moeda das economias menos influenciadas através do investimento estrangeiro.

Análise Fundamental no Forex - Conclusão

A análise fundamental no Forex é baseada no facto de que todos os dias são lançados novos dados como resultado de um ambiente económico global em constante mudança e de uma crescente complexidade.

Embora seja comum querer encontrar padrões e desenvolver teorias sobre mudanças no mercado com o objetivo de entendê-las, como trader de Forex, é importante lembrar que pelo simples facto de uma teoria ou padrão funcionar hoje não garante que a sua operação no futuro seja rentável. Novos dados e correlações aparecerão e irão exigir as suas próprias explicações. O mercado Forex está em constante mudança e, para que seja possível entendê-lo, é importante saber como aplicar os modelos e indicadores Forex mais utilizados na análise fundamental.

Ainda que seja verdade que a análise fundamental não seja a melhor ferramenta a utilizar para um trader de curto prazo, a mesma pode servir como um complemento perfeito para a análise técnica, que tem por base a investigação minuciosa da evolução do histórico de preços dos ativos, com base em indicadores matemáticos, estatísticas e indicadores gráficos.

É por isso que devemos ter sempre em mente que, a análise técnica e a análise fundamental no Forex Trading são complementares, e não substitutas. Não necessita de escolher entre um e outro, quando pode aproveitar todas as vantagens de cada um dos conceitos.

Como se tratam de produtos de um grau complexo para entender com facilidade, recomendamos a prática da negociação numa conta de demonstração primeiro e, assim que os riscos e os próprios produtos financeiros forem compreendidos, pode dar o passo seguinte para a negociação numa conta real. Se deseja começar agora, basta clicar no banner seguinte:

Abrir conta Demo com a Admiral Markets

Aprender Trading

Sobre a Admiral Markets

Sendo um broker regulado, fornecemos acesso a algumas das plataformas de trading mais utilizadas no mundo. Você pode negociar connosco CFDs, ações e ETFs. Saiba por que é que deve operar Forex e CFDs com a Admiral Markets.

Este material não contém e não deverá ser interpretado como aconselhamento financeiro, recomendação, oferta ou solicitação para quaisquer transações de instrumentos financeiros. Por favor note que esta análise de negociações não é um indicador confiável de desempenho presente ou futuro, uma vez que as circunstâncias podem mudar ao longo do tempo. Antes de tomar decisões de investimentos, deverá procurar aconselhamento através de consultores financeiros independentes para garantir que compreende os riscos.




CFDs são instrumentos complexos e acarretam um elevado risco de perder dinheiro rapidamente devido à alavancagem.