Deve Investir em Ações L'Oreal?

Setembro 27, 2021 07:23 UTC
Tempo de leitura: 16 minutos

É uma das “belas” ações do índice CAC 40, é um império familiar e diversificado de cosméticos, é uma marca global usada por celebridades do cinema, da moda e do desporto. Reconhecida mundialmente pelo seu slogan -  “Porque eu mereço”. Falamos, obviamente, das ações L'Oreal.

Tal como o seu slogan, o seu desempenho financeiro e no mercado de ações foi alcançado ao longo de várias décadas. Em virtude da qualidade dos seus fundamentos intrínsecos, a L'Oreal é considerada uma ação a manter em portfólio aos olhos de investidores individuais e institucionais.

Investir em títulos deste empreendimento e calibre permite-lhe ficar muito mais relaxado quando os mercados financeiros atravessam momentos difíceis. Isto é corroborado em grande parte pelo alto preço das ações da L'Oreal, tanto em termos de preço de mercado quanto da sua valorização. As crises financeiras ou baixas dos mercados são ocasiões raras para comprar este valioso título a desconto.

Tendo estipulado máximos históricos apesar da crise do Covid-19, poderá questionar-se se vale a pena adquirir ações L’Oreal agora ou aguardar por uma consolidação para efetuar a sua entrada no mercado a um preço mais razoável. Para que possa tomar uma decisão informada, seria sensato analisar as ações L'Oreal a fundo ao longo da sua história, qual o seu modelo de negócios, os seus acionistas, o seu desempenho financeiro, os seus dividendos, os seus ativos e claro, os seus riscos..

História da empresa L'Oreal

Foi em 1909 que as origens da L'Oreal viram a luz do dia, com a criação da Sociedade Francesa de Tintas de Cabelo Inofensivas, fundada pelo químico Eugène Schueller. A 5 de Abril de 1939, a imobiliária Driant e a companhia francesa de tinturas de cabelo inofensivas fundiram-se, tornando-se oficialmente na L'Oreal. Após a Segunda Guerra Mundial, em 1950, André Bettencourt juntou-se ao grupo e casou-se com Liliane Schueller (também conhecida por Liliane Bettencourt).

Antes da morte de Eugène Schueller, a 23 de Agosto de 1957, este frisou ao seu sucessor, François Dalle, que este estaria incumbido da tarefa de fazer o seu negócio crescer. Liliane Bettencourt torna-se a única herdeira. Sob a liderança de François Dalle, a L'Oreal adquiriu gradualmente uma posição de prestígio internacional, adquirindo empresas para fortalecer sua quota no mercado de cosméticos e produtos de luxo, como a Garnier, a Cadoricin, a Lancôme e a Gemey.

Desejando preservar a todo custo a sua independência e opor-se a qualquer nacionalização por parte do Estado francês, Liliane Bettencourt e a L'Oreal assinam um acordo de acionistas com a Nestlé, da qual Liliane e a empresa suíça possuem, respectivamente, 51% e 49% do capital.

▶ Em Janeiro de 1984, a L'Oreal assumiu o controle da empresa americana, Warner Cosmetics, com várias licenças de produtos, como Ralph Lauren, Gloria Vanderbilt e Paloma Picasso.

▶ Em 1986, a L'Oreal e a Nestlé desenvolvem uma joint venture, a Galderma, especializada em dermatologia. Esta última seria detida a 100% pela Nestlé, que compraria novamente  as ações da líder mundial em cosméticos no dia 11 de Fevereiro de 2014. No mesmo ano, a L'Oreal torna-se a líder mundial em cosméticos.

▶ A 10 de Dezembro de 1995, a L'Oreal adquiriu a marca americana de cosméticos, Maybelline, o que lhe permitiu firmar uma posição nos Estados Unidos e expandir-se para os mercados americanos.

▶ Em 1997, a L'Oreal instalou-se na China, naquele que é hoje considerado como o seu segundo maior mercado. No decorrer das primeiras décadas do século 21, o líder mundial em cosméticos beneficiou do surgir das classes médias em países emergentes da região da Ásia-Pacífico, América Latina e Médio Oriente.

A L'Oreal perpetuou a sua onda de aquisições no segundo milénio, fortalecendo continuamente a sua liderança: Soft Sheen Products em 1998, Matrix, Carson e Respons em 2000, BioMedic em 2001, Mininurse em 2003, Yue-Sai e Shu Uemera em 2004, The Body Shop em 2006, etc.

  • Em 2008, a L'Oreal comprou a divisão de beleza de Yves Saint Laurent do grupo PPR (agora Kering).
  • Em 2017, a L'Oreal vendeu a The Body Shop à Natura Cosméticos, alegando motivos de baixa rentabilidade.
  • Em Julho de 2019, a L'Oreal fortaleceu a sua posição no segmento de luxo ao adquirir a Mugler e a Azzaro, do grupo Clarins.
  • Em Outubro de 2020, a L'Oreal mudou a sua gestão com a nomeação de Nicolas Hieronimus como CEO, em 2021, para o cargo de Jean-Paul Agon.

Negócio da L’Oreal

O modelo de negócios da L'Oreal gira em torno de quatro atividades:

    1️⃣ Produtos Profissionais -  11,5% da sua faturação,

    2️⃣ Produtos de Consumo - 42,7% da sua faturação,

    3️⃣ L'Oreal Luxe - 36,9% da sua faturação,

    4️⃣ Cosméticos Ativos - 8,9% da sua faturação.

A L'Oreal detém um portfólio de marcas icónicas e autênticas por todo o mundo, como:

    ✅ L'Oreal Professionnel, Redken, Matrix para Produtos Profissionais,

    ✅ L'Oreal Paris, Maybelline, Garnier, Essie para Produtos de Consumo,

    ✅ Lancôme, Yves Saint Laurent, Giorgio Armani, Cacharel, Ralph Lauren Fragrances, Diesel para a L'Oreal Luxe,

    ✅ Vichy, La Roche-Posay, CeraVe para Cosméticos Ativos.

As suas marcas gozam de reputação mundial por confiarem no valor das suas celebridades “porta-estandarte”. O facto de serem frequentemente identificadas por figuras públicas com avultado peso nas redes sociais, facilita a criação de um efeito de “avalanche” junto do público em geral e constituem naturalmente uma barreira à entrada de novos concorrentes em mercado.

Ao assumir uma dimensão internacional impulsionada pelos países emergentes, a Ásia-Pacífico é o seu mercado-líder em termos de volume de negócios, com 32,3%, com a China e o Japão sendo os principais contribuintes deste volume transacional.

A Europa Ocidental e a América do Norte, que foram os seus principais mercados por diversas décadas, representam 27,7% e 25,3% da sua faturação. A América Latina, Europa de Leste e Médio Oriente Africano contribuem com 6%, 6,4% e 2,3% respectivamente do seu volume de negócios.

Acionistas da L'Oreal

A 31 de Dezembro de 2019, a participação do grupo de cosméticos é dominada pela família Bettencourt Meyers e pela líder mundial na indústria de alimentos, Nestlé, respectivamente com 33,27% e 23,27% do capital. O remanescente saldo de 37,7% é distribuído entre investidores institucionais, constituídos geralmente por sociedades gestoras de ativos e fundos soberanos.

A maioria destes são estrangeiros. Acionistas individuais e colaboradores são a minoria, com uma participação de 6,19%.

Em 2018, aproximava-se a passos largos o cessar do acordo de acionistas entre a L'Oreal e a Nestlé, o qual estipulava que nenhuma das partes interessadas poderia aumentar a sua participação durante a vida de Liliane Bettencourt, e contendo uma cláusula de lock up de seis meses após a sua morte.

A Nestlé descartou a opção de aumentar a sua participação, sem esperar pela intervenção do Estado francês. A empresa suíça parece satisfeita com o status quo, que lhe tem permitido manter um saudável balanço financeiro. Por outro lado, a L'Oréal manifesta desejo de comprar a participação da Nestlé caso esta aspire a vendê-la.

Histórico de preços de ações da L'Oreal

Investir em ações L'Oreal, desde Março de 2009 ou mais cedo, ter-lhe-ia permitido que multiplicasse o seu investimento em 5 vezes, além da integração no índice CAC 40. O fato de o preço das ações L'Oreal estar recentemente associado a máximos históricos, atesta à qualidade do seu desempenho intrínseco a longo prazo, bons fundamentos em termos de negócios e boa gestão financeira.

O excelente desempenho das ações L’Oreal no mercado de ações poderá também ser atribuído às habilidades dos seus líderes. No entanto, é igualmente importante realçar que o desempenho passado não é garantia de resultados futuros.

A análise técnica ilustra isto com uma tendência de alta secular. Cada baixa histórica do mercado em tempos de crise costuma proporcionar uma oportunidade rara de compra de ações L'Oreal a um preço razoável. A década de 2000 foi um período em que os investidores tiveram que enfrentar os seus problemas pacientemente

O cenário ideal teria sido o de adquirir ações L'Oreal no seu intervalo inferior de negociação, entre os 51 e os 95 euros e, em seguida, liquidar os seus lucros no breakout de máximos históricos de Novembro de 2012, por forma a ver recompensado o seu investimento inicial.

Ao contrário da crença popular, as ações de preços avultados, em momentos de estipulação de máximos históricos, são aquelas que se encontram acima da média em termos de desempenho no que toca ao mercado de ações. A crise do Covid-19 marcou a diferença entre as ações do CAC 40. Sem discussão, as ações L'Oreal foram uma das que denotaram maior sucesso após a primeira vaga da epidemia.

Poderá comprar ou vender legalmente ações L'Oreal, sem comprometer totalmente o seu capital, por intermédio dos CFDs oferecidos pela Admirals.

Dividendos e Receita das Ações L’Oreal

De acordo com a Investir Les Echos, as ações L'Oreal foram uma das raras ações do CAC 40 que não reduziu os seus dividendos durante a crise do Covid-19. Embora as suas finanças estejam saudáveis ao ponto de justificar um aumento, a líder mundial em cosméticos contentou-se em mantê-lo inalterado face ao ano anterior. Ao contrário da LVMH, esta decisão estratégica permitiu-lhe manter o seu estatuto de aristocrata europeu que proporciona dividendos aos seus acionistas.

Ao investir em títulos de alta qualidade como as ações L'Oréal, não deverá ansiar por retornos atraentes em comparação a média do mercado. Porquê?

Porque o crescimento das ações L'Oreal tende a crescer mais rapidamente que o dos seus dividendos.

Falamos de  uma empresa que regularmente aumenta ou mantém as suas margens e lucratividade na consolidação dos seus dividendos. As suas margens e rentabilidade operacional nos últimos cinco anos são, respectivamente, superiores a 15% e 10%. O seu cash flow é significativamente maior do que a sua dívida.

Este é um dos motivos pelo qual os investidores consideram as ações L'Oréal como uma ação de fundo de portfólio (ou de maior peso); devido à qualidade dos seus fundamentos intrínsecos. Em tempos de crise, o modelo de negócios das ações L'Oreal permite limitar o risco de desempenho inferior dos seus portfólios.

Fonte TradingSat:

➠ 2015: 3,1 euros

➠ 2016: 3,3 euros

➠ 2017: 3,55 euros

➠ 2018: 3,85 euros

➠ 2019: 3,85 euros

Para o ano de 2019, a L'Oreal tinha inicialmente planeado aumentar os seus dividendos em 10%, para 4,25 euros, mas voltou atrás com a sua decisão, deixando-os no mesmo patamar de 3,85 euros em virtude da crise do Covid-19.

Riscos-Oportunidades das Ações L’Oreal

Todos os elementos de análise fundamental e técnica são positivos acerca do desempenho das ações L'Oreal a longo prazo. O império familiar e global de cosméticos provou repetidamente a sua capacidade de gerar crescimentos a médio e longo prazo, construindo e detendo um portfólio de marcas com forte reputação global.

A L'Oreal tem posições de liderança em cada segmento de mercado, com uma estratégia de marketing que combina autenticidade e influência das massas através de figuras públicas.

O que não falta são motores de crescimento que melhorem as perspectivas futuras das ações L'Oreal. Por um lado, os países emergentes ainda dispõe ainda de uma margem interessante de crescimento, por outro lado, a transformação digital via e-commerce provavelmente acelerará as suas vendas, mas melhorará também a experiência dos clientes. A L'Oreal compreendeu que a via online poderá efetivamente atender às expectativas do cliente e do seu modelo de negócio.

Em diversas crises anteriores, o seu modelo de negócios provou ser resiliente. A L'Oreal conta com a particularidade de ser uma ação que "joga pelo seguro" e de crescimento constante. É por isso que raramente observamos sessões voláteis para o título fora de um contexto de mercado exógeno ou provocador de ansiedade, como foi o caso da crise das subprime, da dívida soberana da zona do euro, do Yuan no verão de 2015 e do Covid-19.

Os investidores americanos classificá-la-iam como uma ação SWAN (Sleep Well At Night). A somar, como todas as empresas familiares em geral, o seu balanço financeiro é saudável e a empresa não precisa de recorrer ao endividamento excessivo para desenvolver as suas atividades.

Contemplando a potenciais riscos, estes encontrar-se-iam mais ao nível da sua percepção por parte de investidores. As ações L'Oreal são uma das ações mais caras do índice CAC 40, com uma relação PE (relação preço/lucro) 35 vezes superior aos seus lucros. Uma decepção a nível de resultados financeiros (mesmo que positivos) em relação ao perspectivado em consenso de mercado, poderá fazer com que as ações L’Oreal desvalorizem, sem necessariamente comprometer a qualidade da empresa.

A nível de análise técnica, deverá observar se existem sinais de excesso de compra em intervalos de tempo alargados (semanais e mensais), tais como: overbought RSI (Índice de Força Relativa), preços muito distantes das médias móveis, tendência de alta do título perto de verticalidade, etc.

Porquê comprar Ações L'Oreal com a Admirals?

A maioria dos investidores ou traders prefere abrir ordens de compra com corretoras tradicionais.

No entanto, poderá investir em ações L'Oreal, sem comprometer capital significativo, por intermédio de corretoras de CFD como a Admirals. Os CFDs são produtos derivados de ativos subjacentes, como ações, títulos, commodities ou até mesmo Forex.

Devido à sua flexibilidade, podem ser negociados 24 horas por dia, tanto para compra como para venda e com um nível de alavancagem à sua escolha. A alavancagem pode funcionar a seu favor ou contra si, dependendo das condições de mercado. Se tudo correr como planeado, não hesite em liquidar os ganhos de acordo com a sua gestão de investimentos.

Qualquer que seja o seu perfil de negociação, é recomendado avaliar a sua aversão ao risco da melhor forma possível para que não se coloque numa situação comprometedora, tanto financeiramente como psicologicamente.

Caso enfrente dificuldades em utilizar a plataforma MetaTrader para abrir uma ordem para as ações L'Oreal, siga os seguintes passos:

  1. Inicie sessão na sua conta de negociação MetaTrader 5
  2. Vá a Inserir e clique em Exibir. Na janela de Preço, à esquerda dirija-se ao Market Watch
  3. Vá a Símbolos, e digite L'Oreal ou #OR na barra de pesquisas, para a cotação parisiense em tempo real 
  4. Selecione as ações L'Oreal e clique em Mostrar Símbolo

Por último, se estiver a negociar títulos de uma empresa que paga dividendos como as ações L'Oreal, a sua conta será creditada se as tiver adquirido. Será também creditado case efetue um short de sucesso para as ações L’Oreal.

Artigos de Ações Populares

Sobre a Admirals

Sendo um broker regulado, fornecemos acesso a algumas das plataformas de trading mais utilizadas no mundo. Você pode negociar connosco CFDs, ações e ETFs.

Aviso: Os dados fornecidos fornecem informações adicionais sobre todas as análises, estimativas, prognósticos, previsões ou outras avaliações ou informações similares (doravante "Análise") publicadas no site da Admirals. Antes de tomar qualquer decisão de investimento, preste muita atenção ao seguinte:

  • Esta é uma comunicação de marketing. A análise é publicada por motivos informativos apenas e não é construída sob a forma de aconselhamento ou recomendação de investimento. Não foi elaborado de acordo com os requisitos legais destinados a promover a independência da pesquisa de investimento, e que não está sujeito a qualquer proibição de lidar com a disseminação da pesquisa de investimento.
  • Qualquer decisão de investimento é tomada por cada cliente, enquanto a Admirals não será responsável por qualquer perda ou dano decorrente de tal decisão, com ou sem base na Análise.
  • Cada uma das Análises é preparada por um analista independente com base em estimativas pessoais.
  • Para garantir que os interesses dos clientes sejam protegidos e a objetividade da Análise não seria prejudicada, a Admirals estabeleceu procedimentos internos relevantes para a prevenção e gestão de conflitos de interesse.
  • Embora todos os esforços razoáveis sejam envidados para garantir que todas as fontes da Análise sejam fiáveis e que todas as informações sejam apresentadas, tanto quanto possível, de uma forma compreensível, oportuna, precisa e completa, a Admirals não garante a exatidão ou integridade de qualquer Análise ou informações contidas na Análise. Os números apresentados referem que qualquer desempenho passado não é um indicador confiável de resultados futuros.
  • O conteúdo da Análise não deve ser interpretado como uma promessa expressa ou implícita, garantia ou implicação por parte da Admirals de que o cliente lucrará com as estratégias aqui contidas ou que as perdas em relação a elas serão limitadas.
  • Qualquer tipo de desempenho prévio ou modelado de instrumentos financeiros indicados na publicação não deve ser interpretado como uma promessa expressa ou implícita, garantia ou implicação da Admirals para qualquer desempenho futuro. O valor do instrumento financeiro pode aumentar e diminuir e a preservação do valor do ativo não é garantida.
  • As projeções incluídas na Análise podem estar sujeitas a taxas adicionais, impostos ou outros encargos, dependendo do assunto da Publicação. A lista de preços aplicável aos serviços prestados pela Admirals está disponível publicamente no site da Admiras.
  • Produtos alavancados (incluindo contratos por diferença) são de natureza especulativa e podem resultar em perdas ou lucros. Antes de começar a negociar, certifique-se de que compreende todos os riscos.
Avatar-Admirals
Admirals Uma solução completa para gastar, investir e gerir o seu dinheiro

Mais do que uma corretora, a Admirals é um centro financeiro que oferece uma ampla gama de produtos e serviços financeiros. Permitimos que consiga abordar as finanças pessoais através de uma solução completa para investir, gastar e gerir dinheiro.